Cap 11 “Voce me faz querer viver”

4 May

Manu: 20:30 você vem me buscar?

Angelis sorriu e beijou as mãos dela: Isso mesmo, 20:30.

Manu sorriu e olhando para as suas mãos: Posso saber onde você vai me levar?

Angelis sorriu de uma forma encantadora:Não irei te contar.

Manu olhou para ela: Isso não vale.

Angelis sorriu: Vale sim, 20:30 eu venho te buscar sim.

Manu com cara de brava: Não;

Angelis riu: Sim!

Não tinha como ouvir aquela risada e dizer não.
Ela rapidamente me amoleceu e me virei sorrindo..

Manu: Tudo bem, 20:30.

Angelis se aproximou dela meio sem jeito e beijou-lhe o rosto: Já que você realmente não quer ir lá em casa. Ate 20:30.

Manu sorriu: Outro dia Angelis. Outro dia.

Angelis saiu do carro e quando fechou a porta, ela abaixou e me mandou um beijo pela janela. Depois foi em direção ao edifício que ela estava morando.
Esperei ela entrar e depois fui para casa.

Sonhava acordado, isso era claro.
Aquela mulher exercia um poder sobre mim incrível.

Ap de Dany
Annie senta ao lado de Kristen: Que você esta comendo?

Dany sorriu: Lasanha, quer?

Manu: Ah eu quero.

Dany passa o prato pra ela: Conte-me tudo!

Manu sorriu: Sabia que você não me deixaria ficar sem te contar neh.

Dany: Claro, acha mesmo que eu vou ficar nessa minha curiosidade?

Manu riu: Ah Dany,-[ela suspirou]- ela é completamente diferente de tudo que ja vivi e que já conheci. Ela é tão carinhosa, se preocupa tanto comigo.

Dany sorriu: E isso não é bom?

Manu: é maravilhoso. Bem, nós, quase nos beijamos.

Dany: O QUE?

Manu riu: é Dany, fomos fazer um piquenique, e quase nos beijamos, eu praticamente me declarei para ela, e ai quando estávamos quase nos beijando, o celular dela tocou quebrando totalmente o clima.

Dany: Quem foi o infeliz? ”

Manu ainda rindo: Taylor.

Dany: Agora quem vai bater no Taylor, vai ser eu!

Manu: Bem, ai falei pra ela que já que não poderíamos passar o resto do dia juntas, como havia combinado, pedi pra ela me buscar para que fossemos jantar.

Dany: Que lindo!

Manu colocou o prato de lado, e deitou a cabeça nas pernas de Dany: Eu… eu… Eu caí na real Dany. Agora não tenho duvidas de que Paul não estará mais comigo. Sei também que sofrer por ele não me fará bem, e principalmente não fará bem para as pessoas que gostam de mim. E por mais que me doa, por mais triste que pareça ser, eu estou tentando seguir minha vida sem ter que olhar para trás e me arrepender.
Dany mexia nos cabelos de Manu: Você se arrepende de algo?

Manu sorriu: Não me arrependo de nada Dany, Paul foi e sempre será o cara mais importante da minha vida, que me ensinou a amar incondicionalmente, que me ensinou a ter sonhos e objetivos. Eu agradeço muito por ele ter entrado em minha vida. Eu não quero me arrepender de não fazer as coisas agora. Claro que eu preciso ainda de um tempo, mas, eu não nego que estou gostando de Angelis muito mais do que uma amiga gosta de um amiga.

Dany sorriu: Você esta apaixonada por ela.

Manu: Não sei Dany, é tudo tão novo sabe. Com ela esta sendo tudo tão diferente.

Dany: É, eu sei bem como que é.

Manu: É difícil admitir isso, por que, apesar de eu começar a aceitar que Paul não estará mais comigo, é difícil admitir que outra pessoa e ainda mais uma Mulher esta ocupando o lugar dele.

Dany: Angelis não esta ocupando o lugar de Paul, Annie. Ela esta entrando na sua vida para fazer você feliz. Ela esta criando um lugar para ela na sua vida e não ocupando o lugar de outro.

Manu sorriu: é você tem razão.

Dany: Quer um conselho?

Manu senta e fica encarando Dany: Claro.

Dany pega nas mãos de Manu: Não tenha medo de seus novos sentimentos. Encare-os. Enfrente-os. Mas, nunca, nunca, deixe de vive-los. Por que ai você vai sentir arrependimento.

Era tão fácil conversar com Dany, ela me entendia muito mais do que qualquer outra pessoa.

Nos abraçamos e começamos a chorar.
É, eu sabia que não era nenhum choro de tristeza e sim de alegria.
Passando as horas Manu convisou Dany para ir tambem ao mesmo restaurante com Thiago,mais claro que eles ficariam em mesas diferentes.
Angelis riu: Oi Manu.

Manu beijou o rosto dela: Oi…

Thi abre o carro para Dany: Vamos indo, se não vamos perder a nossa reserva.

Angelis abriu a porta do carro e eu entrei.
Ela deu meia-volta e também entrou.
Angelis usava uma calça preta que não era tão social, um blazer preto também, e uma blusa branca com gola V.
Ela pegou minha mão que ainda estava nas luvas e a beijou. Depois começou a seguir Thiago..
Angelis: Desculpa a gente ter que ir jantar com Thi e com Dany.

Mnau sorriu: Ah tudo bem. Não é tão ruim assim.

Angelis sorriu: Mas, prometo que depois do jantar, vamos na roda-gigante e nem vamos ver os dois mais.

Manu sorriu com a idéia: Acredita que eu nunca fui naquela roda-gigante?

Angelis sorriu: Viu, eu estou te mostrando coisas novas.

Manu sorrindo: Você esta me ensinando a viver Angel.

Angelis sorriu e eu podia ver o quanto seu olhar brilhava. .

 

Logo chegamos ao restaurante.
Desci do carro e depois ajudei Manu a descer.
Ela tirou a luva e assim pude ter contato com a pele de sua mão, já que entrelaçamos nossos dedos e entramos no restaurante de mãos dadas.
Quando entramos ajudei-a tirar o casaco e foi só então que eu pude ver como ela estava vestida..
Quando Angelis encostou as mãos em meu ombro, senti um arrepio. Mas, nada se comparava quando eu encontrei o olhar dela.

Senti que todas as minhas forças haviam ido embora.
Aquele olhar intenso me fez sentir mais que um arrepio. Minhas pernas já não me obedeciam.

Quando ela se aproximou de mim, passando o braço pela minha cintura, tentei me lembrar de como era soltar o ar. Tive que desviar os olhos para recuperar a respiração, e todo o resto de meus sentidos.
.

 

Fomos conduzidos ate a mesa.
Sentamos e já fizemos os nossos pedidos. Thi e Dany não se largavam um segundo, enquanto eu e Manu ficávamos conversando. Assunto era que não faltava.
Logo nosso pedido chegou, e jantamos, com muita conversa, e demonstrações de carinho.

Acabamos de jantar e Dany e Thiago se levantaram para poder ir ver a área externa do restaurante.
Resolvemos ficar por ali mesmo..
Manu: Ela briga, reclama, mas ama ele neh?

Angelis sorriu: É verdade, ta ai um casamento que eu terei prazer de ir.

Manu sorriu e olhou para ela: Eu também. Mas, Thi tapado ta demorando a fazer o pedido.

Angelis olhou para o chão e depois lançou o olhar para ela: Acho que esta muito perto de acontecer viu.

Manu: Ah me conta, o que você sabe que eu não sei?

Angelis riu: Nada, não é nada!

Aquele sorriso dela me fazia ver o quanto era bom de se viver.
.

Manu sorrindo: Sei viu;

Angelis sorriu: É serio, se eu te contar, ele me mata.

Manu: Prometo guardar segredo.

Ela olhava para mim de uma forma que eu não poderia negar.
Ela tinha todo o domínio sobre mim..

Angelis: Ele vai pedir ela em casamento hoje!

Manu sorriu: Serio?

Angelis sorridente: Sim, hoje na roda-gigante. Mas, é nosso segredo viu?

Manu: Pode deixar.

Sorri para ela e ela pegou em minha mão e a beijou.
Quando ela voltou o olhar para mim, eu já não sabia o meu nome, ou ate onde eu estava.
Meu coração acelerava e não parava. Senti meu rosto quente, desviei o olhar para tentar controlar.
.

Manu volta a olhar pra ela: As vezes me pergunto, porquê eu?

Angelis sorridente, sustentando o olhar: Você o que?

Manu: Porque você foi se interessar por mim! Eu sou tão desinteressante, você é tão perfeito.-Olhei para ela e toda sua perfeição desconcertante.
Por um momento vi seu semblante ficar irritado, depois suavizou-se enquanto seus olhos assumiam uma expressão um pouco maliciosa..

Angelis pega nas mãos dela e se aproxima um pouco: Você não se vê com muita clareza, sabia?- Ela percorreu os olhos por meu rosto e corpo-. Eu não diria que você é desinteressante, muito pelo contrario, eu olho ao meu redor e sinto os olhos de todos os homens em você. Sentindo uma vontade enorme de estar em meu lugar, conversando com você, segurando suas mãos, beijando o seu rosto.

Enquanto ela descrevia as ações, ele também as demonstrava.

Angelis sorriu: Realmente acha que você é desinteressante?

Meu constrangimento foi muito mais forte que meu prazer com o olhar que ela me deu ao dizer isso. E enquanto ela me dizia isso, tentei me lembrar qual era a pergunta que havia feito para ela, e que ainda não obtive resposta.

Manu desviou o olhar e olhou para o chão: Você não respondeu minha pergunta.
Angelis beijou as mãos e ergueu o queixo dela: Quer que eu lhe diga todos os motivos?

Seus olhos eram gentis, mas intensos, e parecia que ia amolecer todos os meus ossos..

Manu sorriu: Pode ser alguns…
Angelis sorriu: Não vou mentir para você e falar que sua beleza não importou para mim. Se me perguntassem como eu descreveria um anjo, descreveria a sua feição perfeita. Descreveria seus olhos com o azul intenso e brilhante que vejo agora. Esse seu olhar me hipnotizou, e ainda me hipnotiza. Outro motivo pelo qual eu me apaixonei por você, é esse seu sorriso, que cada vez que o vejo sinto meu coração acelerar, faz eu perder o sentido das palavras. Eu posso falar também desse seu jeito meigo, do jeito que você trata as pessoas sem mesmo saber o que elas são, se gostam ou não de você! Eu poderia ficar a noite inteira falando de todos os motivos que me levaram a gostar de você, e mesmo assim não seria suficiente para que os motivos tivessem fim.

Todas aquelas palavras acabaram com o ritmo certo de meu coração.

mANU: Eu nem sei o que dizer. Espere me dê um minuto para meu coração voltar a bater normalmente.

ElA deu aquele sorriso mais perfeito para mim, detendo a minha respiração e meu coração.
Não conseguia imaginar como um anjo poderia ser mais glorioso. Não havia nada nele que poderia ser melhorado.
Como poderia negar que eu também estava apaixonada por ela?.

Ficamos nos encarando por um certo tempo.
Eu tentava de todas as formas saber no que ela estava pensando, através de suas expressões; mas não obtive muito sucesso, já que me desconcentrava quando ficava olhando para aqueles olhos tão intensos.

  Roupa de Angelis e Manu

Image

About these ads

3 Responses to “Cap 11 “Voce me faz querer viver””

  1. Lyn May 4, 2013 at 9:41 pm #

    Noossaa ! Como vc escreve bem ;) me arrepiei ! Parabens hein …

  2. Maah May 6, 2013 at 4:27 pm #

    CADE O PROXIMO CAPITULO? EU ADOROOOO ESSA FIC, POSTA LOGO POR FAVOR!!!!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Follow

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: